Pesquisar

Governança e Gestão de TI

Início > TJAC realiza parceria para implantar solução de IA e otimizar a produtividade aumentando a eficiência na prestação jurisdicional

TJAC realiza parceria para implantar solução de IA e otimizar a produtividade aumentando a eficiência na prestação jurisdicional

 19.03.2024 |  GaleriaNotícias |  DITECTermo de Cooperação Técnica

“Berna” pode colaborar na prestação jurisdicional a partir do reconhecimento de padrões e processamento de linguagem

Em um movimento direcionado à modernização do sistema judicial, a presidente do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), desembargadora Regina Ferrari, assinou o Termo de Cooperação com o Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) para implementar uma solução tecnológica: a inteligência artificial “Berna” – Busca Eletrônica Recursiva Usando Linguagem Natural.

Desenvolvida pelo TJGO, a “Berna” é uma ferramenta que promete reduzir drasticamente o tempo de tramitação processual por meio do reconhecimento de padrões e do processamento de linguagem natural. Este avanço tecnológico não apenas agilizará o fluxo de processos, mas também contribuirá para uma entrega mais eficiente da prestação jurisdicional.

A iniciativa do TJAC de adotar a inteligência artificial segue a tendência nacional, pois já são sete tribunais estaduais utilizando com sucesso a ferramenta: Amazonas, Ceará, Goiás, Maranhão, Pará, Roraima e Sergipe. Essa colaboração entre as instituições, não representa apenas um intercâmbio de conhecimento e recursos, mas também reflete o compromisso contínuo com a modernização e a celeridade do sistema judicial brasileiro.

A presidente do TJAC, desembargadora Regina Ferrari, destaca a importância dessa parceria e da adoção da “Berna” como uma oportunidade para aprimorar a prestação dos serviços jurisdicionais, colocando a eficiência e a qualidade em primeiro plano.

Em consonância, o presidente do TJGO, desembargador Carlos França, ressalta a eficácia da ferramenta ao simplificar o trabalho das magistradas, magistrados e do corpo funcional, permitindo uma análise mais rápida e precisa dos processos.

A “Berna” funciona identificando automaticamente processos com base no fato e tese jurídica semelhantes, agilizando a movimentação e conclusão dos casos para despacho ou decisão das magistradas e magistrados. Um exemplo de sua eficácia foi a sua aplicação nas Varas de Fazenda Pública das Comarcas de Aparecida de Goiânia e Anápolis do TJGO, onde a partir de uma única assinatura foi possível realizar o arquivamento de todos os processos de execuções passíveis de sentenças de extinção.

Com a Diretoria de Tecnologia da Informação (Ditec) do TJAC já trabalhando nas adaptações necessárias, a implementação da “Berna” está em curso, portanto a expectativa administrativa é revolucionar a jurisdição no Acre em breve. “Este é um passo significativo em direção a um sistema judicial mais eficiente e acessível para todos as cidadãs e cidadãos acreanos”, concluiu a juíza auxiliar da Presidência, Zenice Cardozo.

 Assessoria | Comunicação TJAC

Compartilhe em suas redes

Pular para o conteúdo